Pano na Janela

Por: Elionai Dutra

Ou era um lenço
Ou uma flanela
Dobrados no canto
Daquela janela

Ou era eu
Ou era você
Unidos por um fio
De um bem-querer

Na verdade
Ou éramos nós
Ou aquela aquarela
Desenhando-nos após
No canto daquela janela

Comentários

  1. Bela poesia, Elionai. Na janela da vida!! Um ótimo final de semana, boa noite :)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado por comentar. Participe de outras categorias. Um Abraço!

Postagens mais visitadas deste blog

#1 Páginas Ouvidas - Lavadeiras de Mossoró - Carlos Drummond de Andrade

Uma nota louca... Só isso!

Lacres!